Futebol

Ceni exalta força do banco de reservas após vencer o Criciúma e se classificar na Copa do Brasil

Ceni exalta força do banco de reservas após vencer o Criciúma e se classificar na Copa do Brasil
Foto: Tiago Caldas /EC Bahia

O técnico Rogério Ceni falou sobre a força do banco de reservas, já que os gols saíram de jogadores que entraram no decorrer da partida e fez com que o Bahia vencesse o Criciúma por 2 a 0, no Heriberto Hülse, na noite desta terça-feira (23), e garantiu vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil

“O jogo contra o Botafogo também foi assim com boa participação dos que vieram do banco. Como a gente troca praticamente a linha de frente, os mais avançados, com exceção do Jean Lucas pela característica física. Então, sempre nas trocas temos a oportunidade de colocar jogadores com maneiras diferentes. Ademir e Biel, por exemplo hoje, com mais velocidade e drible. No final, Oscar também e De Pena mais uma vez entrando. É uma pena que a gente não consiga dar mais minutos para ele, porque temos um jogador que joga em posição parecida com ele e é genial, diferente. Mas também é super importante você ter De Pena no banco para manter o nível de jogo, ter um padrão de jogo. Acho que Ademir e Biel entraram bem. Oscar entrou um pouco mais no final, mas disputou. Rezende foi para dar um pouco mais de sustentação, até poderia ter entrado um pouco mais entre os zagueiros para defender mais os cruzamentos que foi o que o Criciúma sobreviveu no final do jogo foram só cruzamentos”, disse.

“Mas fico feliz que todo mundo se mantém assim. Acho muito do que é o Bahia hoje é da organização que é o clube e faz com que todos tenham responsabilidade. São 10, 15, 20 minutos que entram e têm que fazer a diferença. Um time talhado para isso, vocação bastante ofensiva tem que ter mais controle de jogo, mas quando pega um campo bom como foi hoje tende a fazer bons jogos. Sofrer, sabemos que todo mundo que vem aqui e, não é uma exclusividade nossa, vão passar momentos difíceis. Mas soubemos também sofrer um pouco no jogo, nos defender e saímos com a classificação”, completou Rogério Ceni.

O Bahia volta à campo no próximo domingo (26), às 18h, quando enfrenta o CRB, pela semifinal da Copa do Nordeste, na Arena Fonte Nova.

Comentários:

Ao enviar esse comentário você concorda com nossa Política de Privacidade.